Polícia prende suspeitos pelo assassinato de Marielle

In Brasil On
- Updated

A polícia prendeu na manhã de hoje o sargento reformado da PM Ronnie Lessa e o ex-PM Elcio Vieira de Queiroz por envolvimento no assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL) e do motorista Anderson Gomes, que completa um ano depois de amanhã. Segundo a denúncia do Ministério Público, Ronnie foi quem atirou contra as vítimas e Elcio era o piloto do carro utilizado no crime.

Como foi a investigação: Os policiais analisaram dados de antenas de celular até chegar a um aparelho que estava sendo usado no local do crime e, a partir dele, encontraram uma conexão com Lessa. Então, tiveram acesso aos dados de Lessa armazenados na “nuvem” e descobriram que ele monitorava havia meses os passos da vereadora.

Quem é o suspeito: Ronnie Lessa é conhecido por ser um exímio atirador e por sua frieza em momentos de tensão. Embora suas ligações criminosas fossem conhecidas nos corredores das delegacias, ele jamais havia sido investigado. Cerca de um mês depois do assassinato de Marielle e Anderson, ele foi alvo de um atentado, o que reforçou as suspeitas da polícia. A hipótese é que tenha sido uma tentativa de queima de arquivo.

You may also read!

Os militares no equilíbrio político

Jolivaldo Freitas   O presidente Jair Bolsonaro não vai mais participar das manifestações em apoio ao seu governo, marcadas

Read More...

Cão adotado pela 11ª CIPM ajuda no patrulhamento diário

Adotado pelos policiais da 11ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/Barra), Barrito, 2 anos, é o cachorro protetor das

Read More...

Rubro Negro baiano divulga lista de convocados para o confronto contra o Atlético Goianiense

O Esporte Clube Vitória volta a campo neste domingo (26), quando enfrenta o Atlético Goianiense, pela quinta rodada da

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu