Arcebispo de Aparecida disse que a direita é “violenta e injusta”

In Brasil On
- Updated

Durante a missa solene no Santuário Nacional, maior templo católico do país, em celebração à Padroeira neste 12 de outubro, o arcebispo de Aparecida, Dom Orlando Brandes, criticou a corrupção e disse que a direita é “violenta e injusta”. No feriado, são esperados 170 000 romeiros em Aparecida. O presidente Jair Bolsonaro tem agenda na basílica às 16h e um encontro com o arcebispo.
Ao citar o sínodo para a Amazônia, o arcebispo discursou sobre a defesa da vida. “Bendito seja o Sínodo da Amazônia, que está pensando na vida daquelas árvores, daqueles rios, daqueles pássaros, mas principalmente daquelas populações. Muitos de nossos parentes estão lá”, afirmou.
Depois, fez uma referência aos dragões: “claro que nas escrituras o dragão é o demônio, é o dragão, é o diabo, é o mal que se organiza no mundo. (…) Livrai-nos do mal e nós então livramos a vida para que inclusive, para que no Brasil, nossas crianças não morram mais de uma bala perdida, nossos jovens não se suicidem e nossos idosos tenham lugar de dignidade para viver e sobreviver. O dragão do pecado”.

You may also read!

Evo Morales divulga foto antes de partir para o exilio no México

Evo Morales pública foto de sua primeira noite após sofrer o golpe na presidência da Bolívia. “Assim foi minha

Read More...

Programa de resistência às drogas forma 113 mil estudantes na Bahia

A Polícia Militar da Bahia (PMBA) reuniu 1,8 mil estudantes no Ginásio Poliesportivo de Cajazeiras, na tarde desta sexta-feira

Read More...

Obras da Ligação Lobato-Pirajá desviam trânsito na Av. Suburbana a partir deste domingo

A Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (CONDER) informa que o trânsito na Avenida Suburbana será desviado

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu