Alunos de Salvador participam de projeto para intercâmbio em Portugal

In Cultura On

A história de Salvador tem bastante relação com Portugal – afinal de contas, foi fundada por Tomé de Souza no ano de 1549, com o intuito de ser a primeira capital da colônia portuguesa em território brasileiro. Pensando nisso, o Projeto “Era uma vez … Brasil”, levará alunos da rede municipal de ensino da capital baiana para realizarem um intercâmbio na cidade de Portugal.

Cerca de 80 estudantes de 11 escolas municipais de Salvador foram selecionados para concorrer às vagas do intercâmbio. Além disso, alunos das cidades de Mata de São João (BA), Jacobina (BA), Belo Jardim (PE), Lençóis Paulistas (SP) e Macatuba (SP) também participam do projeto.

As participações estão sendo feitas através de seleções, divididas em quatro etapas. A primeira incluiu a qualificação dos professores de história para propor novas abordagens para o ensino da disciplina, incluindo vivências indígenas e afro-brasileiras em regiões próximas à cidade. A partir disso, os alunos precisaram criar uma história em quadrinhos com a temática sob caráter eliminatório.

Na segunda etapa, os alunos de Salvador participaram do “Acampamento Cultural” no município de Mata de São João. A etapa II foi iniciada no último dia 11, com encerramento nesta segunda-feira (17).

Durante esse período, estudantes do 8º e 9º ano participaram de oficinas audiovisuais, resultando na produção coletiva de um curta sobre a temática “O povo Brasileiro”, dentre as vivências culturais acerca das matrizes afro e indígenas. Os alunos que se destacarem na seletiva serão selecionados para as etapas finais.

A diretora pedagógica da Secretaria Municipal da Educação (Smed), Cinthia Santos, disse avaliar positivamente os benefícios que a iniciativa traz na vida desses estudantes. “Para nós, profissionais de educação, o sentimento é de que devemos acreditar nas possibilidades dos sujeitos de ampliar visão de mundo, de participar de forma ativa na sociedade e de transformar realidades. A Smed pretende continuar participando de iniciativas como essa, que trazem contribuições significativas à vida de nossos alunos, professores e comunidade escolar”, disse.

“Essa iniciativa tem um impacto excelente na vida desses estudantes porque trabalhamos o desenvolvimento desse ou dessa jovem como um todo. Então, por exemplo, nas seletivas, quando trazemos essa pessoa a se conhecer, ele começa a se permitir e a desenvolver suas habilidades como pessoa”, disse a idealizadora do projeto, Marici Villa.

Após a realização da viagem de intercâmbio, os estudantes serão convidados a apresentarem suas experiências para outros alunos da Rede Municipal, para incentivá-los ao protagonismo, ao desenvolvimento de estudos e pesquisa no âmbito escolar. A viagem está prevista para acontecer entre abril e maio.

Projeto – O projeto “Era uma vez … Brasil”, surgiu no ano de 2016 a partir do livro “1908” do escritor Laurentino Gomes. Idealizado por Marici Villa, conta com financiamento de parceiros para a viabilização do intercâmbio e dos seus respectivos custos.

A iniciativa já mobilizou mais de 1,5 mil alunos e mais de 700 professores desde o ano de 2020 e tem como objetivo colaborar com o desenvolvimento da cultura nacional, promovendo o enriquecimento dos alunos e professores por meio do contato com diferentes linguagens artístico-culturais.

Foto: Jefferson Peixoto/Secom

You may also read!

Ao que tudo indica, a cúpula de campanha do presidente Jair Bolsonaro (PL) vem debatendo a possibilidade de abrir

Read More...

GESTÃO BOLSONARO TIRA VERBA DE AUXÍLIO A FAMÍLIAS POBRES E COMPRA TRATOR PARA ALIADOS

O governo Jair Bolsonaro (PL) destinou para a compra de tratores um recurso de R$ 89,8 milhões que deveria

Read More...

TRÁFICO DE DROGAS – POLICIA PRENDE E JUSTIÇA SOLTA

Um traficante que vendia cigarros de haxixe por 50 reais para universitários e em eventos para a classe alta,

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu