PRESIDENTE DO SENADO EXIGE DEMISSÃO DE ASSESSOR DE ERNESTO ARAÚJO

In Política On
- Updated

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), determinou que a Polícia Legislativa investigue um gesto feito por Filipe Martins, assessor especial da Presidência da República, durante sessão do Senado da qual participava o chanceler Ernesto Araújo. Martins juntou o polegar e o dedo indicador, em um gesto que pode ser considerado obsceno e, segundo pesquisadores, é usado por supremacistas brancos. O assessor alegou que estava ajeitando a lapela de seu terno.

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, decidiu instaurar procedimento de investigação para apurar o fato. A polícia do Senado vai inclusive ouvir Filipe G. Martins, que é assessor especial para assuntos internacionais de Bolsonaro.

Uma fonte do Palácio do Planalto afirma que Pacheco está exigindo a demissão imediata do assessor.

You may also read!

CBSURF: Onze de quinze Federações exigem Assembleia Geral para a Confederação Brasileira de Surfe

A novela que se tornou a CBSurf vem escravizando nossas mentes e abusando de nossa tolerância desde que descobriu-se

Read More...

WSL: Ítalo vence voando em Newcastle e assume a liderança do ranking

A Liga Mundial de Surfe se esforçou para realizar e realizou com sucesso o segundo evento da elite do

Read More...

Imunização contra gripe começa nesta segunda em Salvador

A vacinação contra a gripe em Salvador começa hoje (12), a partir das 8h. A campanha será dividida em

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu