Feira de São Joaquim ganha nova iluminação e obras de pavimentação e drenagem

In Cidade On
- Updated

tradicional Feira de São Joaquim passou por obras de infraestrutura, com o objetivo de oferecer melhores condições de trabalho aos comerciantes. Com investimento de R$ 435,1 mil, a Prefeitura fez serviços de drenagem e recapeamento, com implantação de meio-fio e passeio, em uma área de 2,9 mil metros quadrados, além de instalar iluminação em LED no equipamento. As intervenções foram inauguradas nesta quinta-feira (25), em ato simbólico com a presença do vice-prefeito Bruno Reis do vereador Henrique Carballal.

As obras de infraestrutura foram iniciadas a pedido dos feirantes, que aguardam a conclusão do projeto de reestruturação do equipamento, sob a responsabilidade do governo estadual. “Espero que as intervenções tragam mais segurança ao trabalho e, principalmente, condições adequadas para comercialização dos produtos. Quando aqui estive, há seis meses, as cenas eram estarrecedoras, com barro, lama lixo para todo lado, sem as minímas condições para descarregar as mercadorias”, afirmou Bruno Reis.

Um dos principais centros de abastecimento de Salvador, a Feira de São Joaquim recebeu ainda diversas ações de enfrentamento à pandemia da Covid-19. “Estamos com as nossas equipes da Limpurb fazendo a higienização completa da feira, para combater o coronavírus. Fizemos desobstrução da sarjeta e da rede de esgoto, para evitar que haja acúmulo de água. A Prefeitura está aqui dando este suporte”, assinalouTambém foram distribuídas máscaras de proteção facial e kits de higiene.

Na atividade, o vice-prefeito destacou as ações de valorização do comércio popular desenvolvidas pela atual gestão. “Construímos e reestruturamos diversos equipamentos públicos. Temos os mercados do Peixe, das Flores, da Liberdade, do Jardim Cruzeiro, de Periperi e de Itapuã. Vamos inaugurar, em breve, o Mercado de São Cristóvão – a obra está sendo finalizada. E já está pronto para ser entregue, assim que a pandemia passar, o Mercado de São Miguel, na Barroquinha, que nós recuperamos completamente”, assinalou.

Conhecido como “Gago”, o comerciante da Feira de São Joaquim elogiou as intervenções, ressaltando, entretanto, a necessidade de se concluir a requalificação de todo o equipamento. “Para a gente, esta obra é muito importante. Esta feira está aqui desde 1964, quando Água de Meninos pegou fogo. E não passou por nenhuma intervenção. O governo do estado se comprometeu em terminar, em dezembro de 2014, a obra. Só fez 25%. Então, o restante do pessoal vem sofrendo muito. O nosso interesse é ver esta feira reformada”, frisou.

De acordo com Bruno Reis, a Prefeitura tem interesse em assumir o equipamento. “Caso o governo não tenha condições de tocar o projeto a obra, a Prefeitura tem disposição para assumir esse desafio. Não será fácil, ainda mais no pós-pandemia. Mas, até para a retomada da economia e do crescimento da cidade, a recuperação deste equipamento é fundamental. Aqui pode ser um ponto para visita não só do soteropolitano e dos baianos, mas de gente do Brasil e do mundo, ampliando a possibilidade de gerar renda e melhorar a vida dos feirantes”pontuou.

You may also read!

DEREK HO – A LENDA NÃO MORRE

Morreu neste sábado Derek Ho. Um dos maiores nomes da história do surfe profissional, o havaiano sofrera um ataque

Read More...

Em Feira de Santana, Rui entrega Hospital Geral Clériston Andrade 2 que teve investimento de R$ 60 milhões

O Governo do Estado entregou, nesta quarta-feira (15), o maior investimento em saúde já realizado no interior da Bahia.

Read More...

Escândalo em Campo Formoso – Presidente da Câmara espanca filha

Uma sequência de stories publicada na noite do domingo (12) no perfil do Instagram da estudante de medicina Rafaella

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu