FHC diz que não participa de ‘complô’ para derrubar Bolsonaro

In Política On

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso respondeu o ex-deputado federal Roberto Jefferson, que em entrevista ao Estado publicada na segunda, 20, o acusou de ser “o maestro” de um suposto orquestramento contra o presidente da República Jair Bolsonaro.

Segundo Jefferson, FHC estaria coadunado com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), com o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz, e com os governadores João Doria (PSDB-SP) e Wilson Witzel Witzel (PSC-RJ) para tocar adiante um impeachment de Bolsonaro.

“Um ex-deputado fala em complô meu com Maia e Doria para derrubar Bolsonaro. Nada mais errado: não quero tal. Melhor ter paciência histórica. Respeito o voto popular. Discordar é normal, sem derrubadas. Coesão contra o vírus, é preciso. Não intrigas”, escreveu o ex-presidente em sua conta no Twitter, sem citar nominalmente Roberto Jefferson.

“Para derrubar Bolsonaro, só se for a bala”, afirmou Jefferson na entrevista, ao citar a possibilidade de um confronto de “sangue” entre direita e esquerda. “Vai acabar tendo de ter uma intervenção até para estabilizar”, emendou, em uma referência às Forças Armadas. A análise reverbera o que pensa a ala ideológica que cerca o presidente.

Informações Estadão, FOTO:  Leo Martins

You may also read!

ILHÉUS RECEBE NOVAS VIATURAS PARA POLICIA CIVIL

Representando o prefeito Mário Alexandre, o suplente de senador Bebeto Galvão recebeu das mãos do governador Rui Costa a

Read More...

Ilhéus amplia testagem para Covid-19; exame é feito com swab

A Prefeitura de Ilhéus ampliou a capacidade de testagem para detecção do novo coronavírus (Covid-19) com o objetivo de

Read More...

NOVO SAC É INAUGURADO M SALVADOR

Mais uma unidade do SAC começa a atender a população de Salvador nesta quarta-feira (25), no Terminal de Integração

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu