Diferença salarial entre pobres e ricos é recorde, aponta IBGE

In Brasil On
- Updated

O rendimento médio mensal do 1% mais rico da população brasileira atingiu, em 2018, o equivalente a 33,8 vezes o ganho obtido pelos 50% mais pobres, segundo dados divulgados hoje (16) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. No topo, o rendimento médio foi de R$ 27.744; na metade mais pobre, de R$ 820. A diferença atingiu o recorde desde 2012.

De acordo com o instituto, a desigualdade aumentou porque o rendimento real da metade mais pobre caiu ou subiu bem menos do que o dos mais ricos, principalmente nos últimos anos. Entre 2017 e 2018, o ganho dos 10% mais pobres caiu 3,2% (para R$ 153 em média) enquanto o do 1% mais rico aumentou 8,4% (para R$ 27.774).

Ao mesmo tempo, desde o início da pesquisa, houve uma diminuição no total de domicílios atendidos pelo Bolsa Família, de 15,9% no total do país em 2012 para 13,7% em 2018.

You may also read!

Ivete Sangalo e Daniela Mercury cantam para a pipoca na terça-feira

O último dia da programação do Carnaval da Bahia, promovida pelo Governo do Estado por meio da Bahiatursa, vai

Read More...

Fundação José Silveira realiza evento científico para discutir panorama atual do Coronavírus

A evolução da emergência global por Coronavírus COVID – 19, formas de transmissão e de prevenção foram alguns dos

Read More...

Elevador Lacerda e planos inclinados  funcionam gratuitamente durante o Carnaval

Com o intuito de assegurar a mobilidade dos foliões que vão transitar entre a Cidade Alta e a Cidade

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu