F1 oferece pontos de superlicença por treinos de sexta-feira

In Esporte, F1 On
- Updated

A partir de 2020, sessões de treinos livres contarão na obtenção de pontos para superlicença, enquanto que a W Series será formalmente adicionada à lista de categorias que ajudarão na ascensão à F1.

Para correr na F1, um piloto deve somar 40 pontos ao longo de três temporadas, a fim de ser elegível para uma superlicença.

A lista de categorias de qualificação vão desde a pirâmide convencional de monopostos – da Fórmula 2 até a Fórmula 4 – até grandes categorias como a Indy e o Campeonato Mundial de Endurance da FIA (WEC).

A partir de 2020, a participação em sessões de treinos livres nos fins de semana de GPs também contarão para esta somatória.

You may also read!

A Bahia está á feente da discussão das cirurgias bariatricas e da obesidade na Câmara dos deputadoss

O aumento da obesidade no Brasil, das doenças associadas e a ampliação do acesso à cirurgia bariátrica e metabólica

Read More...

AGRESSIVO – Bolsonaro ataca Macron, Cuba e Venezuela

O presidente Jair Bolsonaro fez duras críticas ao socialismo, aos governos anteriores do PT e aos países estrangeiros que

Read More...

Dupla é presa ao anunciar falsos imóveis pela internet

Apresentando-se como corretora de imóveis, a estelionatária Rosimeire Cruz Casaes, de 49 anos, foi presa, na segunda-feira (23), pela

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu