CORREIOS – Quando um capitão demite um General por ‘agir como sindicalista’

In Política On

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta sexta-feira, 14, que vai demitir o presidente dos Correios, general Juarez Aparecido de Paula Cunha. Em café da manhã com jornalistas, o presidente justificou que Cunha “foi ao Congresso e agiu como sindicalista” ao criticar a eventual privatização da estatal e tirar fotos com parlamentares do PT e do Psol. “Aí complica”, disse Bolsonaro.

Bolsonaro informou, ainda, que convidou o general Santos Cruz para ocupar a vaga, mas adiantou que não tem o nome do substituto. Santos Cruz foi demitido nesta quinta-feira, 13, da Secretaria de Governo, ministério que cuida, por exemplo, da verba de publicidade do governo. Informações da Agência Estado.

You may also read!

Racismo no surf feminino

Os olhos de Érica Prado ficam marejados diante da imensidão do mar. A moça é invadida por uma onda

Read More...

COPA AMÉRICA – Brasil goleia o Peru e se classifica em primeiro na Copa América

Cercado de incertezas após duas atuações pouco convincentes, a Seleção Brasileira fez provavelmente o seu melhor jogo pós-Copa do

Read More...

GP DA FRANÇA – Hamilton vence de ponta a ponta com nova dobradinha da Mercedes

Lewis Hamilton venceu de ponta a ponta o Grande Prêmio da França, conquistando sua quarta vitória consecutiva e a

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu