Pesquisa aponta que analfabetos funcionais são usuários frequentes das redes sociais

In Falando de Games On

O Inaf (Indicador de Analfabetismo Funcional) deste ano aponta que três entre cada dez brasileiros são considerados analfabetos funcionais, ou seja, têm limitação para ler, interpretar textos, identificar ironia e fazer operações matemáticas.

Neste ano, o levantamento apurou ainda os dados relacionados ao uso de redes sociais, que foram divulgados hoje (12) com exclusividade para a BBC News Brasil.

O nível de alfabetismo é classificado em cinco faixas: analfabeto (8%) e rudimentar (22%) (que compõem o grupo dos analfabetos funcionais); e elementar (34%), intermediário (25%) e proficiente (12%) (classificados como alfabetizados).

De acordo com a pesquisa, os analfabetos funcionais são usuários frequentes das redes sociais, apesar das dificuldades. Entre eles, 86% usam WhatsApp, 72% são adeptos do Facebook e 31% têm conta no Instagram.

Na comparação entre os alfabetizados e os não-alfabetizados a diferença não é tão grande. Entre as pessoas do nível proficiente, por exemplo, 89% usam o Facebook.

A diferença cai ainda mais quando a rede social analisada é o WhatsApp. Dos analfabetos funcionais, 92% escrevem mensagens no aplicativo, enquanto, o índice é de 99% entre os alfabetizados.

You may also read!

Michel Temer é preso em São Paulo

A Força-tarefa da Lava Jato no Rio de Janeiro prendeu, na manhã desta quinta-feira (21/3), o ex-presidente Michel Temer,

Read More...

Rui Costa visita obras de macrodenagem do Rio Jaguaribe

Mais qualidade de vida para os moradores da região do Bairro da Paz e da Avenida Orlando Gomes, além

Read More...

Programa de resistência às drogas e violência inicia novo ciclo de atividades em unidades de ensino

A Polícia Militar da Bahia retomou as atividades do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd)

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu