Líder fundador de facção tem mandado de prisão cumprido dentro do presídio

In Polícia On

Josevaldo Bandeira, conhecido popularmente como ‘Val Bandeira’, líder e fundador de uma facção com atuação no tráfico de drogas, roubos a bancos e homicídios teve mandado de prisão cumprido, na manhã desta terça-feira (19), no Complexo Prisional de Mata Escura. A saída do presidiário estava marcada para hoje, após uma audiência, mas o cumprimento do mandado de prisão manterá Val Bandeira atrás das grades.

Além disso, equipes do Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP) e da Coordenadoria de Operações Especiais (COE) encontraram celulares, chips de operadoras de telefonia e drogas na cela do detento.
Val Bandeira, que já chegou a cumprir parte da pena em Presídio Federal, tem participação direta em roubos a estabelecimentos comerciais, na região do Horto Florestal. As investigações comprovam que as ordens para comparsas do Nordeste de Amaralina efetuarem os roubos partiram do sentenciado. Além destes crimes, Val Bandeira continuava exercendo o papel de líder da facção, dizendo como os negócios ilícitos deveriam ser realizados.

“Brilhante trabalho das equipes da Polícia Civil. Este criminoso é acompanhado há anos pelas forças de segurança estaduais. Com mais esse flagrante esperamos que ele permaneça mais tempo longe das ruas, dando mais tranquilidade à população baiana”, declarou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa.

You may also read!

Transporte coletivo intermunicipal é liberado em 303 municípios baianos

Cidades inseridas em macrorregiões de saúde que apresentaram redução na taxa de contaminação e de ocupação de leitos para

Read More...

ELES PASSARAM A BOIADA, E AGORA INVENTARAM OUTRA MENTIRA

Ao lado do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, e do deputado estadual (PSL-SP) Frederico D’Ávila, o presidente Jair

Read More...

Justiça Militar ignora congelamento e prevê R$ 2 milhões para novos cargos

A Justiça Militar ignorou o impedimento de contratação de novos servidores, previsto na lei complementar 173, e incluiu a

Read More...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu